Onicomicoses - O que é e como tratar?

Joana Azevedo // Março 7, 2024
Partilhar
Onicomicoses
Onicomicoses

As onicomicoses, conhecidas como micoses que afetam as unhas, resultam da presença de fungos nas unhas, que tal como na pele, originam alterações no local onde se encontram. 

É frequente observarmos que as unhas ficam mais grossas, com aspecto envelhecido e uma coloração alterada, que pode ser esbranquiçada, amarelada, acastanhada etc.. Muitas vezes, as unhas podem desprender-se do leito, exibindo depósitos “farinhentos” que frequentemente emitem um odor desagradável, resultado dos produtos de degradação da atividade fúngica.

À medida que a patologia progride é comum ocorrer encravamento da unha. Em estados avançados, o crescente espessamento da lâmina ungueal pode dificultar o uso de calçado fechado, levando a dores e desconforto constantes.

O tratamento desta patologia não é complexo nem doloroso quando executado por um podologista/podiatra. 

Na maioria dos casos, o tratamento requer um período de 6 a 8 meses, enquanto em casos mais avançados, a cura completa pode demorar um ano ou mais. Nos estados iniciais de onicomicose, o tempo de tratamento pode ser inferior a 6 meses, embora esses casos sejam mais raros.

Este é o tempo necessário para que a unha cresça na totalidade, já que cresce apenas cerca de 2mm por mês e é fundamental manter o tratamento até à completa substituição/regeneração da unha afectada.

A eficácia do tratamento depende da combinação de abordagens farmacológicas locais e orais, juntamente com tratamentos podológicos mensais, bimensais ou trimensais, conforme o grau de afetação das unhas.

Os tratamentos para onicomicose incluem o rebaixamento das unhas, procedimentos de limpeza e reeducação ungueal. Este último processo é fundamental para garantir o crescimento correto da unha, evitando encravamentos ou alterações na sua trajetória normal. É importante referir que arrancar as unhas ou realizar a eliminação da matriz (matricectomia total) não são opções preferenciais para este tipo de patologia.

Atualmente, os tratamentos com laser para onicomicose têm se destacado pela sua eficácia. São uma excelente opção, pois possuem poucas contraindicações e não apresentam efeitos secundários.

Este processo requer técnicas e meios específicos, e deve ser feito apenas por um  podologista/podiatra. A consulta é fundamental para receber o tratamento adequado, esclarecimentos sobre o procedimento e conselhos contínuos para cuidados que deve manter em casa, de forma a prevenir o surgimento de novas infecções fúngicas.

Ler mais

Social Media

Copyright © 2023 Simply Flow. Todos os direitos reservados.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar Saber mais