Doutor, preciso de ajuda!

Fátima Lopes // Fevereiro 22, 2021
Partilhar
Doutor preciso de ajuda
Doutor preciso de ajuda

Dor de cabeça? Náuseas? Congestão nasal? “Doutor, preciso de ajuda!” é o livro que reúne dicas e conselhos para mais de 40 sintomas comuns. Aprenda a reconhecer a gravidade e como agir em cada situação. 

Este é um livro que aborda, com bastante humor, temas que, normalmente, fazem soar os nossos sinais de alarme. É que os dois experientes e prestigiados médicos americanos Christopher Kelly e Marc Eisenberg não podiam ter encontrado melhor forma de desconstruir algumas das inquietações que nos atormentam de vez em quando. 

O guia indispensável para o hipocondríaco que existe em cada um de nós.

Dor de cabeça? Náuseas? Queda de cabelo? Dor de barriga? Congestão nasal? Todos já passamos por alguma destas situações. Mas, será que é preciso mesmo consultar um médico quando acontece uma destas situações? Foi, precisamente, isso que os autores quiseram explicar no livro “Doutor, preciso de ajuda?”. 

Esqueça as pesquisas de sintomas na Internet, não lhe vão oferecer a solução, nem a cura e só servem para causar ainda mais pânico! Christopher Kelly e Marc Eisenberg pegaram em mais de 40 sintomas comuns e escreveram este guia prático e completo para consultar sempre que quiser saber como agir perante cada situação: afinal, quando nos devemos mesmo preocupar? Quando devemos marcar uma consulta ou ir às urgências? 

Este livro é a melhor prescrição. 

Dividido em oito partes do corpo, incluindo cabeça, estômago e pele, neste livro irá encontrar informações sólidas, dicas simples e conselhos essenciais, não deixando espaço para dúvidas. E tudo isto com um humor que, de certeza, vos fará sorrir. 

Doutor, preciso de ajuda!

Falar de temas de saúde com humor ajuda a desconstruir mitos, a deixar de lado possíveis receios ou vergonha de colocarmos exatamente as questões certas aos nossos médicos. No entanto, existem situações em que é crucial consultar um especialista. Se nos últimos seis meses se sentir num estado mais depressivo, se ressona, sente falta de ar ou fadiga extrema, está na hora de marcar uma consulta. E se lhe dói o peito, deve dirigir-se imediatamente às urgências.

Nota: Fotografia por Verónica Silva

Ler mais

Social Media

Copyright © 2023 Simply Flow. Todos os direitos reservados.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar Saber mais