Como aproveitar financeiramente as promoções?

Carina Meireles // Fevereiro 3, 2021
Partilhar
promoções
promoções

Ao longo da nossa vida, vamos consumindo muita publicidade que, não sendo controlada por nós, pode fazer com que gastemos mais e mais, muitas das vezes, induzindo a compras que não são assim tão necessárias. E, no que toca a promoções, o dinheiro deve ser muito bem gerido para que o foco se mantenha apenas no que necessita e as compras sejam feitas de forma correta. 

Promoções, promoções e mais promoções. Todos os dias nos chegam emails, mensagens, folhetos com todo o tipo de promoções: artigos com descontos, pague 2 leve 3 e por aí fora. Porém, há que fazer uma reflexão na hora de abrir os cordões à bolsa. 

No que toca a promoções, o dinheiro deve ser muito bem gerido para que as compras sejam feitas de forma correta. Para isso, é necessário avaliar verdadeiramente aquilo de que precisa, começando primeiro por perceber o que já tem em casa. Só assim poderá evitar todas aquelas compras que não passam de gastos desnecessários

O que ter em atenção numa promoção?

Quando falamos de promoções uma das primeiras coisas a fazer, e depois de ter a certeza de que faz sentido aquele gasto, é comparar preços e analisar quais os benefícios a curto e longo prazo. Ou seja, se quiser, por exemplo, comprar um eletrodoméstico, deve ter em atenção qualidade, preço com o desconto e a respetiva garantia.

Para que esta gestão seja feita da melhor maneira e também consiga fazer a compra mais acertada, aqui ficam algumas dicas.

7 Dicas para tirar melhor partido das promoções: 

1. Compare sempre os preços mesmo com as promoções.

Já vamos tendo promoções ao longo do ano e é necessário filtrarmos o que nos interessa, para que consigamos fazer um bom negócio. Muitas das vezes o barato deve ser medido, ou seja, devemos perceber se aquela promoção será mesmo uma boa promoção.

2. Não faça compras a correr.

Crie uma estratégia para este tipo de compras, com um dinheiro que já foi amealhado para essa finalidade. Pode sempre comparar os preços online, no conforto da sua casa, e desta forma analisar todos os prós e contras. Não decida pela primeira opção. Seja criterioso(a) na sua análise e compare coisas comparáveis. Ou seja, se pretende comprar um eletrodoméstico e tem várias marcas e preços, então deve analisar também as características de cada um para não estar a comparar preços mais baixos, mas com características do produto diferentes que não vão ao encontro do que precisa. Poderá estar a gastar mais dinheiro de outra forma, que se irá fazer notar ao longo do tempo.

3. Elabore uma lista dos produtos que precisa e do motivo pelo qual necessita dos mesmos. 

Acredite: só assim é que não se vai “perder” nas compras! Mesmo com as promoções é necessário e fundamental listar tudo o que pretende comprar mesmo que esteja a pensar comprar uma só coisa. Vai ajudar a organizar e a controlar melhor as suas despesas.

4. Pode aproveitar os saldos para antecipar as prendas que pretende oferecer em aniversários ao longo do ano. 

Desta forma, e sempre com uma boa gestão orçamental, consegue por vezes um preço mais em conta e já está a poupar em custos que possa vir a ter ao longo do ano. E tudo isto através de um bom planeamento destas despesas.

5. Evite fazer compras com o cartão de crédito.

Desta forma vai evitar pagar juros e utilizar dinheiro que não é seu. É preferível juntar primeiro para gastar depois. Compras com o cartão de crédito, muitas das vezes, levam a que sejam pagas em prestações, como é o caso de, por exemplo, a compra de um eletrodoméstico, fazendo com que gaste mais. O controlo desta forma é muito importante.

6. Evite as compras por impulso.

Por isso é que devemos comprar apenas o que precisamos, para não cair em tentações e comprar só mais uma coisa, que, entretanto, acrescentamos ao carrinho, mas que não precisamos assim tanto, mas fica bem com aquela peça de roupa. As compras por impulso estão muito associadas às promoções, mas, na verdade, são inimigas da nossa carteira e, por isso mesmo, devem ser evitadas.

 7. Pedir fatura com número de contribuinte.

Para além de outros benefícios que possam estar relacionados com o seu IRS, pedir fatura com número de contribuinte pode, por exemplo, ajudar, e muito, no caso de alguma troca ou devolução, onde por algum motivo tenha perdido o talão de compra.

Compre com consciência. 

Já sabe, compre com consciência e veja se está a fazer uma boa compra, com qualidade, preço e o mais importante se é mesmo uma compra necessária ou se faz mais sentido juntar primeiro, para gastar depois.

Ler mais

Social Media

Copyright © 2023 Simply Flow. Todos os direitos reservados.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar Saber mais