Celebração - Uma das fases da realização de sonhos

Luís Baião // Novembro 15, 2020
Partilhar
celebração
celebração

Hoje trago nestas páginas uma metodologia de tecnologia humana com 4 fases cruciais para o sucesso interior e exterior. Estas metodologia é uma prática recorrente na minha vida pessoal e na minha Zen Family ou qualquer outro projecto que esteja envolvido. Assim o faço há muitos anos. Mas hoje vou dar ênfase a uma delas que é a celebração gratidão (comemoração).

Qual é o teu sonho?

É assim que se iniciam todas as vontades que fervilham interiormente. Sonhando! Pode parecer exótico, mas existe um sentido por trás disto. Afinal, todos os desejos que sentimos começam com um sonho de uma ou mais pessoas. Fazer uma viagem, ter um filho, mudar de vida, mudar de profissão, construir uma casa, realizar uma festa, estudar no exterior, tirar um curso, ser promovido… Tudo isto se inicia no “interior” de alguém, a partir de desejos singulares aos quais eu gosto de chamar sonhos.

Portanto, para mim o primeiro passo é descobrir quais são os sonhos que fervilham interiormente. Existe um ou mais sonhos que se destacam? Depois vem a parte de compartilhá-los com outras pessoas que possivelmente se empenharão a ajudar a colocá-los em prática contigo, se também para eles os teus sonhos fizerem ressonância com elas. A Fátima tinha um sonho, o de criar uma plataforma cheia de conteúdos diferentes, verdadeiros que pudessem ajudar as pessoas a ter uma vida mais saudável. E assim começou o Simply Flow.

celebração

Quais são as 4 fases essenciais para o sucesso?

A resposta é muito simples. Divide um círculo em 4 partes iguais e terás: Sonhar (25%), Planear (25%), Executar (25%) e Celebrar (25%).

Considera que qualquer projeto de vida começa num sonho e que os projectos de sucesso têm quatro fases: sonho, planeamento, execução e celebração. 

  1. Sonho – Na fase do Sonho, a ideia é revelada e partilhada. Nesta fase sentes quem será envolvido e se tem o mesmo sonho que o tu. 
  2. Planeamento – No planeamento, é necessário discutir o como, o quando e de que forma será colocado em prática o sonho
  3. Execução – Na fase de Execução desenrolam-se as acções e as formas de viabilidade e financiamento.
  4. Celebração – Por fim, chega a Celebração ou gratidão: é o momento de refletir e exercitar o reconhecimento com a gratidão.

Num sonho que seja colectivo vai ter com as pessoas, senta-se com elas. Aprende com elas. Ama-as. Começa com o que elas sabem. Constrói com o que elas têm. No final do trabalho, com um bom líder, as pessoas vão dizer: “Fomos nós que fizemos”. De forma simples: Esta é uma abordagem de gestão de projetos com foco nas relações humanas. É uma metodologia para gestão de projetos criativos e colaborativos.

Esta é uma metodologia ágil, lúdica e que gera resultados. Uma filosofia de vida.

Para mim, estes quatro movimentos são mais do que só uma metodologia ágil, lúdica e que gera resultados. É uma filosofia de vida que estimula o cuidar de nós, o autoconhecimento e um desenvolvimento mais humano, ao entender quem somos e como nos relacionamos humanamente com todo o ambiente à nossa volta. Apoia-te a construir e nutrir comunidades autênticas de forma colectiva. Traz a consciência da verdadeira intenção que mobiliza os projetos que trazemos ao mundo. Traz uma conexão maior com a natureza humana e a natureza em geral. Não há como sustentar um projeto sem cuidar das relações ou sem acolher as pessoas como elas são.

A energia de realizar (sonhos) projectos vem destes 4 movimentos, mas temos de começar por nos questionar:

  • Onde está a nossa energia para realizar projetos?
  • Tens sonhado com a realidade que queres?
  • Tens partilhado o que sonhas?
  • Tens celebrado agradecendo as vitórias, as aprendizagens e até os tropeções?
  • Tens fechado os ciclos para recuperar a energia e iniciar novos ciclos?

Talvez não. A maioria dos projetos fica nos 3 primeiros movimentos: sonhar, planear e executar. E é crucial passar pelos quatro movimentos: sonhar, planear, executar e celebrar. Todos são importantes. Estão em constante movimento e sempre em novos ciclos como uma espiral. Nenhum é menos importante que outro. 

O projecto Simply Flow criado pela minha querida amiga Fátima Lopes é um exemplo aplicado destes 4 movimentos para o sucesso:

  1. Fase – Sonhar: A Fátima sonhou o projecto e partilhou o seu sonho. Muitos, como se identificavam com o sonho, juntaram-se;
  2. Fase – Planear: Os bons planeadores logo se juntaram e fizeram toda a estrutura para que o projecto fosse exequível. Um bom planeamento é também fundamental;
  3. Fase – Executar: Aqui foi colocado em acção com os executantes do sonho;
  4. Fase – Celebrar ou gratidão. Quem está no projecto sente o quanto a Fátima é grata a todos que estão envolvidos e mostra isso sempre com gratidão e celebração por cada vitória.

Estamos a celebrar os 4 anos de Simply Flow!

Neste momento estamos a assinalar 4 anos de pura dedicação em que todos celebramos com muito carinho esta aventura.

Obrigado Fátima. Obrigado Elisabete. Obrigado a todos por fazer parte deste sonho que também se envolveu em mim. Neste momento estou em celebração gratidão por todo o carinho que recebo de todos. Mas também já estou a sonhar que este maravilhoso projecto continuará a alimentar mais e mais pessoas.

Obrigado de coração e deixem sempre presente dentro de vocês que para a realização de projetos criativos, colaborativos e sustentáveis deve sempre possuir nos seus valores centrais: o crescimento pessoal de todos os envolvidos, o fortalecimento do sentido de comunidade e a responsabilidade ativa para com a Terra.

Sempre a fluir e a sorrir!

Ler mais

Social Media

Copyright © 2023 Simply Flow. Todos os direitos reservados.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar Saber mais