9 Dicas para incentivar as crianças a ler

Ana Viegas // Setembro 28, 2021
Partilhar
ler
ler

Ainda se lê? Não estamos na Era dos vídeos?

A leitura está de boa saúde e recomenda-se. Todos os dias e a todo o momento lemos alguma coisa. 

Com efeito, não lemos apenas quando lemos textos literários. Já deu por si ou pelas suas crianças a ler as embalagens do pequeno-almoço ou as legendas dos noticiários ou os slogans dos placares publicitários? Já, não já? É que, por mais que tentemos, é impossível não lermos algo ao longo do dia. O nosso cérebro vai sempre associar um significado às palavras que estão à nossa frente.

Vantagens da leitura:

A leitura atrai uma grande variedade de públicos, pois apresenta variedade de temas, formatos, registos de língua, graus de dificuldade e utilizações. Além disso, aperfeiçoa a compreensão, a ortografia e a escrita e ainda permite a aquisição de léxico, que aparece em contexto. 

Também estimula a concentração por períodos mais longos e contribui para melhores resultados académicos em todas as disciplinas. Mais, divulga aspetos de cultura geral e permite o diálogo de culturas. Além disso, estimula a imaginação e a criatividade.

Se à dimensão funcional da leitura (de satisfação de necessidades básicas do dia-a-dia, como ler um aviso, uma mensagem, uma receita) agregarmos a dimensão lúdica, recreativa, de divertimento, as potencialidades tornam-se infinitas.

O que é a leitura recreativa?

É uma leitura por prazer, que permite ao leitor viajar por outros mundos, imergir-se noutras culturas, lidar com sensações boas (a alegria, a amizade, o amor) e más (a dor, a morte), refletir e confrontar pontos de vista, desenvolver a sua criatividade e a sua imaginação, ampliar o seu vocabulário e familiarizar-se com a escrita. 

Como incentivar as crianças a ler?

Conhecedores destes benefícios, é natural que queiramos incentivar o hábito da leitura junto das nossas crianças.

Receita para o fracasso

É bom ter presente a linha que separa o incentivo da imposição. Obrigarmos as nossas crianças a ler, escolhermos o momento e o local para o fazerem, impormos o material de leitura e não termos em consideração a sua identidade, o seu estado de espírito e o seu poder de decisão é meio caminho andado para o desastre. Portanto, não o faça! 

Receita para o sucesso

  1. Seja um exemplo. Deixe que a sua criança a veja a escolher um livro, a ler algumas páginas, a comentar o enredo. Se não lê, como está à espera de que ela leia?
  2. Criem, em conjunto, o cantinho da leitura. Além de livros variados por perto, pode também ter algumas almofadas confortáveis ou uma manta quentinha para os dias mais frescos. O importante é tornar o momento de leitura confortável e prazeroso.
  3. Deixe que seja a sua criança a decidir se quer ou não ler. Se ela não estiver minimamente para aí virada, a única coisa que vai conseguir é a frustração de ambos.
  4. Permita à sua criança escolher quando e onde ler. Quer ler quando você está cheio de pressa para ir a algum lado? Quer ler no banho? O que é que perde em permitir? Qual é a pior coisa que pode acontecer? Na pior das hipóteses, a sua criança pode ir começando a ganhar o bichinho da leitura.
  5. Envolva a criança na escolha dos livros que irá ler. Frequentem juntos bibliotecas, livrarias e feiras do livro. Manuseiem os livros expostos. Analisem a capa e a contracapa e antecipem a história no interior.
  6. Experimentem diferentes tipos de leitura. Em voz alta. Em silêncio. Experimentem ouvir música de fundo.
  7. Lembre-se de que não precisa de gastar dinheiro para ler. Podem pedir livros emprestados ou requisitar na biblioteca.
  8. Façam atividades relacionadas com a leitura. Visitem um museu se a história se passar num museu, passeiem num parque se a história se desenrolar num parque.
  9. Criem o vosso próprio grupo de leitura, com encontros semanais ou mensais, para tertúlias literárias. Criem uma página ou canal com as vossas experiências literárias. Já ouviu falar em Bookbloggers? Booktubers? Bookstagram? 

O mais importante:

Incentivar as crianças a ler pode ser a coisa mais fácil do mundo, desde que lhes demos a devida liberdade para expressar os seus gostos, as suas necessidades e os seus limites.

Ler mais

Social Media

Copyright © 2023 Simply Flow. Todos os direitos reservados.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar Saber mais